Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2012

Estoque na medida certa

Armazenar corretamente na sua oficina apenas uma reserva de peças e componentes de maior giro faz com que o serviço prestado ao seu cliente seja mais rápido e eficaz Carolina Vilanova
Muitos empresários da reparação não sabem, mas manter um estoque mínimo na oficina, com as peças de maior fluxo, corretamente armazenadas e prontas para serem usadas, pode trazer muitos benefícios para o seu negócio. Muita gente também não dá importância, mas o transporte, o armazenamento e o manuseio correto da peça são fatores de grande relevância para garantir a qualidade na hora de prestar um serviço mecânico ao seu cliente. É por isso que, na oitava matéria realizada em parceria com o IQA (Instituto da Qualidade Automotiva) trazemos as dicas e as recomendações de como montar, manter, organizar e controlar com eficiência um estoque saudável e lucrativo para a sua oficina. "É imprescindível que as maneiras corretas de estocagem sejam respeitadas, para que a peça seja a…

IMPACTO DOS SISTEMAS INTEGRADOS DE RASTREAMENTO NA LOGÍSTICA EMPRESARIAL

Por Prof. Luis Moura IMPACTO DOS SISTEMAS INTEGRADOS DE RASTREAMENTO NA LOGÍSTICA EMPRESARIAL.
RESUMO
Este relatório de dissertação em andamento descreve o objetivo, a metodologia e os principais resultados esperados com a dissertação de mestrado em andamento. Essa dissertação tem como objetivo descrever a forma com que os sistemas integrados de rastreamento afetam a logística empresarial. Além disso, a dissertação visa fornecer subsídios para que uma empresa faça o levantamento de informações dos sistemas de satélites e, com isso, possa implementar e verificar o impacto que o uso dos sistemas integrados de rastreamento traz para os sistemas de logística empresarial. Este impacto será medido através de um questionário que está sendo respondido por pessoas ligadas às áreas de logística e segurança de empresas de logística, gerenciamento de risco e transportadoras que utilizem os sistemas integrados de rastreamento no estado do Rio de Janeiro.

ABSTRACT
This report descri…

T.I na Logística

A área de TI tem uma absorção maior de recursos, onde vc verá que sempre será contratada mais rápido, porém a atualização é constante. Todos os cursos que vc mencionou requerem sua atenção nele. Seja com uma certificação ou apenas colocando a "mão na massa".

Se for para TI um curso de Gestão de Projetos é essencial, mas se for para Logística, o próprio nome já diz o que vc precisa.

A área de TI é um campo em plena ascenção, mas que requer do profissional bastante estudo e seriedade frente à concorrência.

Sou estudante da área de TI e faço este curso por que é o que eu realmente gosto, algumas empresas exigem o ocnhecimento de "algums programas" como vc disse, na verdade são linguagens de programação, entretanto não é necessário saber todas, mas pelo menos as principais ;-D

Você aprende na faculdade e mais ainda dentro de empresas, em cursos de aperfeiçoamento, especialização, estudando :-D

Como um outro usuário já disse: faça o que você gostar, não pela remuneraçã…

Brasil vive o melhor momento de investimento em operações de Vendas, Fusões e Aquisições de Logística e Transportes

Um dos aspectos positivos do amadurecimento pessoal é fazer parte da história e poder viver, em primeira pessoa, os processos que caracterizam os ciclos econômicos. A possibilidade de poder compartilhar experiências com a comunidade empresarial é um verdadeiro prazer e uma obrigação ética. Recordo, com bastante rigor de detalhes, quando, no ano 1973, meu tio avô Sr. José Carneiro de Gusmão Lacerda, presidente das empresas OTT – Organização Total de Transportes Glória S.A e Humaitá Transportes Urgentes (e fundador da ANTC – Associação Nacional dos Transportes de Cargas) me explicou o acordo que havia alcançado com o empresário gaúcho, Sr. Talito Endler e seus sócios para proceder a venda da OTT para a Transportadora Pampa S.A. O acordo comercial assinado entre as empresas OTT e TRANSPAMPA consistiu em uma verdadeira fusão empresarial dando origem a um novo grupo empresarial do setor de transportes de cargas itinerantes, denominado, GRUPO PAMPA-OTT. Interesse Internacional sua nova ma…

Bysoft disponibiliza software para unificação de dados na gestão do processo de importação e exportação

Autor(es): Aline Santos
20/05/2011
O sistema I-Trade é responsável pela gestão centralizada de informações a partir da proposta comercial e do pedido de importação. Tem a função de auxiliar na organização e unificação do processo operacional envolvendo o importador/ exportador e a companhia intermediária na operação. Gerencia o processo de compra e venda de mercadorias, o controle de estoque e o custo final do produto em seu destino. Por se tratar de uma ferramenta desenvolvida para trabalhar via Web, possibilita o acesso e a visão consolidada das informações de forma geral. Possibi a agilidade no input de informações a partir de qualquer ponto do país, reduzindo re-digitação de dados, auxiliando a identificação de possíveis informações incorretas e falhas que poderão gerar prejuízos na operação logística. O grande ganho para a produção será a redução do lead time do processo em operação, proporcionando maior rentabilidade por parte das empresas. “ Nosso maior objetivo com o lançamento…

É Possível Usar o PERT Para Planejamento de Produção?

O sistema PERT (program evaluation review technique) é uma técnica que permite gerir a calendarização de um projecto e consiste em representar, sob a forma de representação gráfica, uma rede de tarefas cujo encadeamento permite alcançar os objetivos de um projeto. Foi concebido pela marinha americana para coordenar os trabalhos de milhares de pessoas na realização das ogivas nucleares POLARIS. É um método surgido nos anos de 50 e está tradicionalmente ligado ao planejamento de grandes projetos de natureza não estritamente fabril. A situação clássica considerada é aquela em que um grande projeto monopoliza a utilização dos recursos de produção que estão disponíveis ao longo de um intervalo de tempo significativo e determinado. A parte mais expressiva de um projeto refere-se a coisas novas, ou específicas, que nunca foram feitas antes. Entretanto, a definição de um plano ou programa de produção tem em geral elevado grau de incerteza. O tempo necessário para realizar as atividades, a re…

Selecionando e Qualificando Fornecedores na ISO 9001

Como a ISO 9001 trouxe o conceito de “foco no cliente”, toda a sua estrutura é voltada para o atendimento das necessidades dele. Na verdade o requisito 7.4 também mantém esse foco; mas no processo de Aquisição a sua empresa é o cliente. E a análise desse requisito é uma ótima oportunidade de avaliar a interpretação da ISO do outro lado do balcão, afinal em última análise seu cliente espera de você o mesmo que você espera do seu fornecedor: qualidade, confiabilidade, parceria e atenção. assegurar que o produto adquirido está conforme com os requisitos especificados de aquisição. O tipo e extensão do controle aplicado ao fornecedor e ao produto adquirido devem depender do efeito do produto adquirido na realização subseqüente do produto ou no produto final.A organização deve avaliar e selecionar fornecedores com base na sua capacidade em fornecer produtos de acordo com os requisitos da organização. Critérios para seleção, avaliação e reavaliação devem ser estabelecidos. Devem ser manti…

A Interfaces da Logística na Inclusão Social na Organizações

Artigo elaborado por:

Autor.OLIVEIRA, O.P, Administrador.

Neste estudo, aborda-se o tema sobre a interface da logística e a sua relação com a inclusão social na organização como elemento-chave para a redução de custo e melhor aproveitamento do funcionário Portador de Necessidades Especiais dentro do sistema logístico. O profissional em logística, diante dos acontecimentos da inclusão social que envolvem a organização e os interesses públicos, passa a assumir um novo papel dentro da empresa, onde passa a ser um agente de inclusão social na organização. Embora a principal ferramenta deste profissional seja a manutenção da cadeia produtiva, implica-se dentro deste sistema a satisfação do funcionário na função desempenhada e o acesso que este colaborador terá nas dependências da empresa. Neste contexto inclusivo, o gestor passa a desenvolver projetos de acessibilidade na organização com o intuito de reduzir gastos em infra-estrutura organizacional e locação dos P.N.E (s) dentro do departam…